terça-feira, 2 de fevereiro de 2016

Chimichurri


Nossos Hermanos Latinos sabem das coisas gente!

A primeira vez que comi esse molho foi na Argentina. 
Mas depois que mudei pra cá, descobri que eles não são os únicos que usam e que cada país latino americano tem a sua versão. É só procurar online, pra comprovar o que eu digo.

Mas a idéia genial quem me deu foi a minha vizinha Chilena Cecília, que numa de suas viagens à sua cidade natal, Valparaíso, me trouxe um pacotinho de Chimichurri seco.


Depois disso, não vivo mais sem ele em casa!
Tempero carnes, vegetais ou faço molho vinagrete pra regar carnes depois de grelhadas.

Vale muito a pena fazer e ter em casa. Depois que você experimentar, não vai viver mais sem essa magia de sabor. Vai por mim!


3 col. sopa orégano
3 col. sopa manjericão
2 col. sopa salsa
2 col. sopa tomilho
2 col. sopa de sal
1 col. sopa pimenta do reino moída
1 col. sopa louro em pó
1 col. sopa páprica 
2 col. sopa de alho em pó
1 col. sopa pimenta calabresa
1 col. sopa cominho
2 col. sopa cebola em flocos (ou em pó)


Misture todos os ingredientes secos em um tigela. Transfira para um pote limpo com tampa e guarde na sua despensa.



Ele assim, você pode usar para temperar carnes em marinadas.



Para fazer o molho, adicione 2 col. sopa de azeite, 1 col. de sopa de vinagre tinto, 1 col. chá de água morna e 1 col. de sopa de chimichurri.
A água morna vai hidratar as ervas e temperos secos, ativando seus sabores mais rapidamente. 
Misture bem e deixe descansar uns 10 minutos.


E sirva à parte, como acompanhamento para quaisquer vegetais ou carnes grelhadas (bife, frango, linguiça, porco, carneiro) no fogão ou na churrasqueira.



Deixe seu Comentário !!!